Notícias

PAC Serviços Empresariais

Conteúdo sempre é bom...

Divulgando atividades para auxiliar você..
  • Popular
  • Recent

Rede Social 

20 Jun 12:43 am

Em busca de conforto e economia, profissionais optam pelo home office

 Durante a semana, o designer gráfico Marcelo Bezzi Mancio acorda por volta de 6h30min, prepara o café da manhã e se arruma para trabalhar. Ao contrário de muitos profissionais, ele não enfrenta trânsito para chegar à empresa, que está a apenas alguns passos de distância, no escritório de casa.

 

Também conhecido como home office, trata-se de uma opção que vem ganhando cada vez mais adeptos em busca de economia de tempo, dinheiro e flexibilidade de horários. De acordo com o especialista André Brik, foi o surgimento dos computadores e, depois, o aprimoramento da telefonia celular e da internet que permitiram a disseminação do trabalho remoto. Hoje, não apenas os profissionais autônomis e empreendedores iniciantes optam por essa modalidade, mas também empresas consolidadas.

— Costumamos dizer que trabalho é o que se faz e não o lugar onde se vai. As pessoas que são super competentes não enxergam mais uma lógica em atravessar a cidade dentro de um carro só para bater o cartão. Ela sabe que a produtividade não depende de onde ela está — explica Brik. 

Funcionário motivado e mais qualidade de vida

Trabalhar no conforto de casa passou a ser visto como uma boa prática da empresa e uma vantagem oferecida ao profissional. Faz parte do seu pacote de benefícios. E para quem acha que trabalhar em casa reduz a produtividade, Brik diz que sua experiência mostra o contrário. Não perder tantas horas no trânsito reduz o estresse e deixa o funcionário mais motivado. Além disso, o escritório propicia a distração, pois o funcionário é interrompido diversas vezes ao dia.

Quando se trabalha remotamente, o número de reuniões passa a ser reduzido, sendo realizadas apenas quando extremamente necessárias. Por esse motivo, elas costumam ser mais ágeis e otimizadas. Para que o trabalho seja eficiente, contudo, é necessário disciplina e organização.

Para o desginer Mancio, a decisão de trabalhar em casa, tomada há um ano e meio, é uma realização pessoal. Ele economiza e tem mais tempo para aproveitar a praia, próxima da residência.  

— Ter um pouco de lazer, não ter tanto estresse é mais valioso — diz Mancio, que acredita que o ambiente, em vez de diminuir sua produtividade contribui para que ele se empenhe. 

Mancio, no entanto, alerta para a necessidade de cuidar da rede de contatos e amizades que podem, inclusive, trazer mais clientes para o seu negócio. É importante, também, estar sempre buscando atualização além da internet. Brik concorda. Quem trabalha remotamente tende a ficar mais isolado e por isso, para aqueles que trabalham em uma empresa é necessário, pelo menos a cada quinze dias, encontrar-se pessoalmente com profissionais da área ou ir à empresa para trocar experiências.


>> Dicas para o bom desempenho em casa
O especialista em home office André Brik e a personal organizer Daiane Borba dão recomendações de como trabalhar bem sem sair de casa.

Crie um ambiente de trabalho. Mesmo em casa, é importante que haja um espaço específico para trabalhar. Isso ajuda a separar a vida profissional da pessoal e contribui para a produtividade. Fazer as refeições no escritório, por exemplo, nem pensar.

Organize o seu espaço. Um escritório em ordem é fundamental para que o trabalho surta a produtividade esperada. Procure também estabelecer uma rotina de limpeza, uma vez que não há ninguém responsável por isso como numa empresa.

Separe o escritório por uma porta. Ter uma barreira física ajuda a separar o pessoal do profissional, além de contribuir para o silêncio, concentração e evitar interrupções.

Converse com os familiares. As crianças, principalmente as menores, confundem a presença dos pais com sua disponibilidade. É preciso explicar a situação para que não haja interrupções ou comportamentos inadequados durante o expediente.

Vista-se para trabalhar. Manter-se adequadamente vestido ajuda a concentrar-se no trabalho e é bom tom sobretudo quando se costuma receber clientes no escritório.

Organize o seu tempo. Estipule horários para iniciar as atividades, fazer as refeições e finalizar o dia de trabalho. Essa disciplina garante a produtividade evita que o profissional trabalhe demais.

Saiba se esta é a opção para você. Há pessoas que não conseguem produzir se não tiverem um barulho ambiente ou algumas pessoas para conversar. Nesse caso, o home office pode não ser a melhor opção.

 

Texto: Milena Lumini
Fonte: Diário Catarinense